No dia 1 de Setembro, a Ordem dos Frades Menores Capuchinhos deu início ao seu retiro provincial. Contou com a presença de bastantes Irmãos, mas nem todos marcaram presença, seja por razões de doença, idade avançada ou também para garantir as exigências fraternas e atividades pastorais das Fraternidades.

Pela primeira vez, este retiro foi aberto a toda a Família Franciscana Portuguesa, dando seguimento à proposta da Direção da mesma, assumida em Assembleia, que decidiu não continuar a promover o habitual retiro da/para a Família Franciscana e convidou os Institutos membros a partilhar os próprios retiros com os outros membros da Família. A este convite tão singular, responderam duas irmãs da Congregação de Nossa Senhora das Vitórias. Futuramente, a manter-se a partilha do retiro no seio da Família Franciscana, pode haver maior participação da parte de outras Ordens e Institutos de cariz franciscano.

O retiro, tal como já foi referido, teve início com o jantar de Domingo, dia 1, e terminou com o almoço de Sexta-feira, dia 6. Realizou-se em Fátima, no Centro Bíblico dos Capuchinhos. Os cerca de trinta participantes foram recebidos de forma exemplar pela Fraternidade capuchinha e Casa de Acolhimento de Fátima, que tudo providenciaram para o bom funcionamento do retiro.

Para orientar o retiro foi convidado o Fr. Sidney Damásio Machado, Irmão capuchinho não-sacerdote, que veio expressamente do Brasil. Este irmão capuchinho pertence à Província de São Lourenço de Brindes do Paraná e Santa Catarina. Nasceu em 1972 e emitiu a profissão religiosa em 1996. Esteve ao serviço da Cúria Geral dos Capuchinhos, em Roma, sobretudo como Secretário Geral da Ordem. Em 2017 recebeu o doutoramento em Espiritualidade, com a tese “L’Altissimo e il Santissimo – Studio semantico e simbolico di due termine chiave degli Scritti di San Francesco d’Asisi”.

Cada dia do retiro foi recheado de momentos específicos: Laudes com a Eucaristia, exposição do Santíssimo com a Hora Intermédia, Vésperas e oração pessoal. As palestras do Fr. Sidney foram realizadas com grande mestria, seguidas de momentos de reflexão pessoal a partir das questões sugeridas pelo orientador do retiro.

O retiro primou pelo silêncio quase total, tendo sido este posto em relevo pelo orador como um dom, um momento de graça únicos, contrariando assim o bulício do dia-a-dia em que nos habituámos na agitação e barulho subconsequente.

A temática geral do retiro foi uma aproximação à espiritualidade franciscana a partir da linguagem simbólica e da iconografia, bem como da música e poesia.

O Altíssimo e Omnipotente e Bom Senhor continua a ecoar desde Assis até ao cosmos mas, na verdade, não é Altíssimo que está subjacente às palavras do Santo mas Baixíssimo. É Deus que se torna baixíssimo ao encarnar nas entranhas de uma mulher de nome Maria e comunga da nossa humanidade. Mais baixíssimo ainda se torna quando abraça a cruz, morrendo como um marginal, para quem este tipo de morte estava reservado. Do sepulcro, onde foi colocado, emerge em toda a sua glória ressuscitando, abrindo assim as portas da Eternidade a toda a humana criatura. E nisto está verdadeiramente a autêntica pobreza, a do pobrezinho de Assis, e a de todos os consagrados…

Baixíssimo, Omnipotente e Bom Senhor!

 

Reflexões do frei Sidney Damásio Machado

 

Presente na Eucaristia e na Palavra

 

 

Ponto de partida - Labirinto

 

Quem és Tu e quem sou eu

 

O Altíssimo e o Baixíssimo

 

A Cruz, o leproso e a couve

 

A Cruz gloriosa do Rei da Glória

 

A vida fraterna - dançar para Deus

 

A Mãe da ternura

Agenda

Últimas notícias

Mais lidos

  • Semana

  • Mês

  • Todos