"Banco de Leite" tem novo compromisso com a dignidade humana, na ilha de Príncipe

O "Banco de Leite" está em São Tomé há 8 anos. Chegou a hora de assumirmos mais um compromisso urgente, desta vez na ilha do Príncipe, a construção de uma nova casa de acolhimento de idosos, a "Casa Betânia".

Neste momento, o "Banco de Leite" está em São Tomé e em Cabo Verde. Se Deus quiser, ainda este ano, o frei Fernando Ventura, juntamente com todas as entidades envolvidas, irão tentar chegar à Guiné Bissau.

Em São Tomé, estão a trabalhar com o orfanato "Casa dos Pequeninos", em colaboração com a Cáritas local, e sob a responsabilidade da Diocese. Diretamente, trabalham com o PDIL - Projecto de Desenvolvimento Integrado de Lembá, sob a responsabilidade das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição, na localidade de Neves, no norte da Ilha. Trabalham ainda com as Irmãs Franciscanas Missionárias de Nossa Senhora, na localidade de Guadalupe.

Os irmãos Capuchinhos de Cabo Verde estão em duas paróquias de São Tomé: Ribeira Afonso e São João dos Angolares. Aqui, o "Banco de Leite" ainda está numa fase inicial de um projecto de apoio a jovens.

 

Entidades envolvidas:

1. PDIL - Projecto de Desenvolvimento Integrado de Lembá. www.pdilemba.com

2. Grupo "De Ilhas para Ilhas" (facebook) - Trata-se do grupo que, em São Miguel (Açores), trata dos contatos com as empresas leiteiras locais (INSULAC, BEL E UNILEITE), bem como do acompanhamento dos projectos de desenvolvimento agrícola em S.T.P. (estufas de produtos hortícolas) em articulação com a Cooperativa Terra Verde e com a Cooperativa Agrícola dos Açores.

3. Associação Amparo da Criança - Banco de Leite (IPSS). É esta Associação que trata da logística do envio do leite para STP bem como da gestão de todos os donativos vários para o Banco de Leite de S.T.P.. www.bancodeleite.pt

4. Associação Synergia. Esta Associação tem sede em Braga. Está em S.T.P. no PDIL e nas Irmãs de Guadalupe. Este ano abrimos a nossa primeira presença em Cabo Verde, na Paróquia dos Capuchinhos de Porto Novo, Ilha de Sto. Antão com dois professores voluntários que ficarão até finais de 2018. www.synergia.pt

5. "Mundo a Sorrir". Trata-se de uma ONG som sede no Porto. São jovens dentistas voluntários. Trabalhamos juntos há 4 anos e têm feito regularmente trabalho em S.T.P. com as crianças e jovens em termos de saúde oral. Organizam em média 3 períodos de presença em S.T.P. de 2 a 3 meses. www.mundoasorrir.org

O trabalho está distribuído por todas estas entidades. Cada uma delas mantém a sua autonomia mas todas têm um objectivo comum que é São Tomé. O ano de 2017 foi particularmente produtivo. Foi possível terminar as obras no novo orfanato, que foi inaugurado em Outubro de 2017. Este ano no PDIL foi construída uma casa de acolhimento para adolescentes grávidas, estufas de cultivo de produtos hortícolas e o complexo desportivo das Neves (este graças ao financiamento da Fundação Benfica). Mensalmente é enviada 1 tonelada de leite em pó, com um gasto mensal de 2 mil euros. O "Banco de Leite" conta com a ajuda de todos.

 

Donativos para o PDIL:

Donativos por Transferências Bancárias em Portugal
IBAN: PT50 0036 0095 9910 0069 939 53
BIC/SWIFT: MPIOPTPL
Pedido de Recibo para geral @ bancodeleite.pt (sem espaços antes e depois do @)

 

"Não podemos mudar o mundo, mas podemos mudar o mundo de alguém!"

"Banco de Leite" tem novo compromisso com a dignidade humana, na ilha de Príncipe

O "Banco de Leite" está em São Tomé há 8 anos. Chegou a hora de assumirmos mais um compromisso urgente, desta vez na ilha do Príncipe, a construção de uma nova casa de acolhimento de idosos, a "Casa Betânia".

Neste momento, o "Banco de Leite" está em São Tomé e em Cabo Verde. Se Deus quiser, ainda este ano, o frei Fernando Ventura, juntamente com todas as entidades envolvidas, irão tentar chegar à Guiné Bissau.

Em São Tomé, estão a trabalhar com o orfanato "Casa dos Pequeninos", em colaboração com a Cáritas local, e sob a responsabilidade da Diocese. Diretamente, trabalham com o PDIL - Projecto de Desenvolvimento Integrado de Lembá, sob a responsabilidade das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição, na localidade de Neves, no norte da Ilha. Trabalham ainda com as Irmãs Franciscanas Missionárias de Nossa Senhora, na localidade de Guadalupe.

Os irmãos Capuchinhos de Cabo Verde estão em duas paróquias de São Tomé: Ribeira Afonso e São João dos Angolares. Aqui, o "Banco de Leite" ainda está numa fase inicial de um projecto de apoio a jovens.

 

Entidades envolvidas:

1. PDIL - Projecto de Desenvolvimento Integrado de Lembá. www.pdilemba.com

2. Grupo "De Ilhas para Ilhas" (facebook) - Trata-se do grupo que, em São Miguel (Açores), trata dos contatos com as empresas leiteiras locais (INSULAC, BEL E UNILEITE), bem como do acompanhamento dos projectos de desenvolvimento agrícola em S.T.P. (estufas de produtos hortícolas) em articulação com a Cooperativa Terra Verde e com a Cooperativa Agrícola dos Açores.

3. Associação Amparo da Criança - Banco de Leite (IPSS). É esta Associação que trata da logística do envio do leite para STP bem como da gestão de todos os donativos vários para o Banco de Leite de S.T.P.. www.bancodeleite.pt

4. Associação Synergia. Esta Associação tem sede em Braga. Está em S.T.P. no PDIL e nas Irmãs de Guadalupe. Este ano abrimos a nossa primeira presença em Cabo Verde, na Paróquia dos Capuchinhos de Porto Novo, Ilha de Sto. Antão com dois professores voluntários que ficarão até finais de 2018. www.synergia.pt

5. "Mundo a Sorrir". Trata-se de uma ONG som sede no Porto. São jovens dentistas voluntários. Trabalhamos juntos há 4 anos e têm feito regularmente trabalho em S.T.P. com as crianças e jovens em termos de saúde oral. Organizam em média 3 períodos de presença em S.T.P. de 2 a 3 meses. www.mundoasorrir.org

O trabalho está distribuído por todas estas entidades. Cada uma delas mantém a sua autonomia mas todas têm um objectivo comum que é São Tomé. O ano de 2017 foi particularmente produtivo. Foi possível terminar as obras no novo orfanato, que foi inaugurado em Outubro de 2017. Este ano no PDIL foi construída uma casa de acolhimento para adolescentes grávidas, estufas de cultivo de produtos hortícolas e o complexo desportivo das Neves (este graças ao financiamento da Fundação Benfica). Mensalmente é enviada 1 tonelada de leite em pó, com um gasto mensal de 2 mil euros. O "Banco de Leite" conta com a ajuda de todos.

 

Donativos para o PDIL:

Donativos por Transferências Bancárias em Portugal
IBAN: PT50 0036 0095 9910 0069 939 53
BIC/SWIFT: MPIOPTPL
Pedido de Recibo para geral @ bancodeleite.pt (sem espaços antes e depois do @)

 

"Não podemos mudar o mundo, mas podemos mudar o mundo de alguém!"