"Quem se humilha será exaltado"

 

LEITURAS:

1ª: Sir 3,19-21.30-31. Salmo 68/67,4-7ab.10-11. R/ Na vossa bondade, Senhor, preparastes uma casa para o pobre. 2ª: Heb 12,18-19.22-24a. Evº: Lc 14, 1.7-14. II Semana do Saltério.

 

UMA IDEIA

A palavra de Deus rompe com os nossos esquemas humanos habituais e aponta caminhos que, embora menos frequentados, são os verdadeiros, os que enchem a vida de alegria. Revela-nos um Deus misericordioso, que se faz «pai dos órfãos e defensor das viúvas» (salmo), a quem os «humildes cantam a sua glória» (1ª). Jesus aponta as mesmas atitudes: a humildade, pois «quem se humilha será exaltado», e a misericórdia: «convida os pobres, os aleijados, os coxos e os cegos; e serás feliz» (evangelho). Somos felizes quando damos a quem não pode retribuir, ou, como Jesus Cristo, nos «humilhamos» para servir os irmãos: seremos «exaltados». Discípulos missionários do «mediador da nova aliança» (2ª), seguiremos o caminho que nos conduz à Jerusalém celeste, onde se há de realizar o banquete eterno.

 

UM SENTIMENTO

«Quem se humilha será exaltado» (evangelho). Stº Agostinho diz que a humildade faz-nos iguais aos anjos. O cristão deixa-se instruir pelo «coração do sábio» (1ª), cultiva a humildade, coloca-se ao serviço. «Imaginemos como mudaria o nosso mundo, se cada um de nós começasse a cuidar com generosidade da sua relação com Deus e com o próximo; se olhássemos para o outro, especialmente o mais necessitado, com os olhos da bondade e da ternura, como Deus nos vê, espera e perdoa; se encontrássemos na humildade a nossa força e o nosso tesouro! E muitas vezes temos medo da ternura e da humildade!» (Papa). Acredito na força da humildade?

Agenda

Últimas notícias

Mais lidos

  • Semana

  • Mês

  • Todos