Dt 27

Da wiki Biblia Online
Ir para: navegação, pesquisa
4. CELEBRAÇÃO DA ALIANÇA: BÊNÇÃOS E MALDIÇÕES (27,1-30,18)


A liturgia de Siquém (Js 8, 30-35; 24,1-28) – 1Moisés e os anciãos de Israel exortaram então o povo: «Observa todos os preceitos que eu hoje te prescrevo. 2No dia em que atravessares o Jordão para entrares na terra que o SENHOR, teu Deus, te há-de dar, ergue umas pedras grandes e reveste-as de cal. 3Nelas escreverás todas as palavras desta Lei, depois de teres passado o Jordão, ao entrares na terra que te há-de dar o SENHOR, teu Deus, terra onde corre leite e mel, como te tinha prometido o SENHOR, Deus dos teus pais.

4E quando tiveres atravessado o Jordão, levantarás essas pedras no monte Ebal, tal como eu hoje te ordeno, e revesti-las-ás de cal. 5Construirás no mesmo local um altar ao SENHOR, teu Deus, um altar feito de pedras, sem que o ferro lhes tenha tocado. 6Construirás o altar do SENHOR, teu Deus, com pedras inteiras e ali oferecerás holocaustos ao SENHOR, teu Deus. 7Oferecerás também sacrifícios de comunhão. Comê-los-ás e alegrar-te-ás diante do SENHOR, teu Deus. 8Escreverás sobre as pedras todas as palavras desta Lei, de forma bem clara.»

9Moisés e os sacerdotes levíticos falaram assim a todo o Israel: «Guarda silêncio e ouve, ó Israel! Hoje tornaste-te o povo do SENHOR, vosso Deus. 10Escuta a voz do SENHOR, teu Deus, e cumpre os seus mandamentos e os seus preceitos, que hoje te prescrevo.»

11No mesmo dia, Moisés deu ao povo a seguinte ordem: 12«Estas são as tribos que estarão sobre o monte Garizim para abençoar o povo, quando tiverdes atravessado o Jordão: Simeão, Levi, Judá, Issacar, José e Benjamim. 13E estas estarão sobre o monte Ebal para amaldiçoar: Rúben, Gad, Aser, Zabulão, Dan e Neftali.»


As doze maldições14«Os levitas tomarão a palavra e dirão em voz alta a todos os homens de Israel:

15‘Maldito o homem
que fizer uma estátua esculpida ou fundida,
objecto abominável ao SENHOR,
obra de um artífice,
e a colocar num lugar escondido!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
16‘Maldito o que desprezar seu pai e sua mãe!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
17 ‘Maldito o que alterar os limites do seu vizinho!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
18 ‘Maldito o que desviar o cego do seu caminho!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
19 ‘Maldito o que defraudar o direito do estrangeiro,
do órfão e da viúva!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
20 ‘Maldito o que tiver relações com a mulher de seu pai,
descobrindo assim o leito paterno!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
21 ‘Maldito o que tiver relações com qualquer animal!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
22 ‘Maldito o que tiver relações com sua irmã,
filha de seu pai ou de sua mãe!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
23 ‘Maldito o que tiver relações com a sua sogra!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
24 ‘Maldito o que ferir às ocultas o seu próximo!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
25 ‘Maldito o que aceitar suborno para derramar sangue inocente!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’
26 ‘Maldito o que não respeitar as palavras desta lei
e não as puser em prática!’
E todo o povo responderá:
‘Ámen!’»



Capítulos

Dt 1 Dt 2 Dt 3 Dt 4 Dt 5 Dt 6 Dt 7 Dt 8 Dt 9 Dt 10 Dt 11 Dt 12 Dt 13 Dt 14 Dt 15 Dt 16 Dt 17 Dt 18 Dt 19 Dt 20 Dt 21 Dt 22 Dt 23 Dt 24 Dt 25 Dt 26 Dt 27 Dt 28 Dt 29 Dt 30 Dt 31 Dt 32 Dt 33 Dt 34