Dt 13

Da wiki Biblia Online
Ir para: navegação, pesquisa

A idolatria e a apostasia1«Cumprireis todas as ordens que eu vos prescrevo, sem nada lhes acrescentar ou suprimir. 2Se no meio de vós aparecer um profeta ou um visionário, mostrando-te um sinal ou um prodígio; 3se se realizar o sinal ou prodígio que te anunciou e ele te disser: ‘Sigamos os deuses estrangeiros – que não conhecias – e adoremo-los’, 4não ouvirás as palavras desse profeta ou desse visionário, porque o SENHOR, vosso Deus, vos põe à prova para verificar se realmente o amais com todo o vosso coração e com toda a vossa alma.

5Seguireis ao SENHOR, vosso Deus, e a Ele haveis de temer; cumprireis os seus preceitos e não obedecereis senão à sua voz; a Ele prestareis culto e só a Ele servireis! 6Esse profeta ou esse visionário será condenado à morte, porque pregou a revolta contra o SENHOR, vosso Deus, que vos fez sair da terra do Egipto, que te resgatou da casa da servidão. Esse procura, assim, desviar-te do caminho que o SENHOR, teu Deus, te indicou para seguires por ele. Assim, extirparás o mal do meio de ti.

7Se o teu irmão, filho da tua mãe, o teu filho ou a tua filha, a tua companheira ou o amigo a quem estimas vier secretamente seduzir-te, dizendo: ‘Vamos servir os deuses estrangeiros’ – deuses que nem tu nem os teus pais conheceram, 8os deuses dos povos que estão à tua volta, na tua vizinhança ou ao longe, de um extremo ao outro da terra – 9não o aceitarás nem ouvirás; não levantarás para ele olhos de compaixão, nem o ajudarás a esconder-se. 10Pelo contrário, tens o dever de o matar. A tua mão será a primeira a levantar-se contra ele para lhe dar a morte e, a seguir, a mão de todo o povo. 11Apedrejá-lo-ás até morrer, porque ele tentou desviar-te do SENHOR, teu Deus, que te fez sair da terra do Egipto, da casa da servidão. 12Todo o Israel, ao sabê-lo, tremerá e ninguém repetirá mais tal delito no meio de vós.

13Quando ouvires dizer numa das tuas cidades que o SENHOR, teu Deus, te deu para habitação, que 14homens perversos, nascidos no meio de vós, desencaminham os habitantes das suas cidades, dizendo: ‘Vamos servir os deuses estrangeiros’ – deuses que vós não conheceis – 15farás um inquérito, averiguarás e informar-te-ás bem. Se for verdade que essa abominação foi cometida no meio de vós, 16passarás ao fio da espada os habitantes dessa cidade. Votarás à destruição essa cidade com tudo o que nela houver, incluindo o gado. 17Reunirás em seguida no centro da praça todas as riquezas e queimá-las-ás juntamente com a cidade e todos os seus bens, sem excluir nada, em honra do SENHOR, teu Deus. Ficará para sempre em ruínas e não voltará a ser reconstruída.

18Que a tua mão não retenha coisa alguma da cidade amaldiçoada, para que o SENHOR aplaque a sua ira e use de piedade e misericórdia para convosco, e te multiplique como jurou a teus pais, 19se obedeceres à voz do SENHOR, teu Deus, cumprindo todos os seus mandamentos que hoje te prescrevo e fazendo o que é justo aos olhos do SENHOR, teu Deus.»



Capítulos

Dt 1 Dt 2 Dt 3 Dt 4 Dt 5 Dt 6 Dt 7 Dt 8 Dt 9 Dt 10 Dt 11 Dt 12 Dt 13 Dt 14 Dt 15 Dt 16 Dt 17 Dt 18 Dt 19 Dt 20 Dt 21 Dt 22 Dt 23 Dt 24 Dt 25 Dt 26 Dt 27 Dt 28 Dt 29 Dt 30 Dt 31 Dt 32 Dt 33 Dt 34