2 Sm 23

Da wiki Biblia Online
Ir para: navegação, pesquisa

Últimas palavras de David (Sl 89,20-38) – 1Estas são as úl­timas palavras de David:

«Oráculo de David, filho de Jessé,

oráculo do homem que foi exal­tado,

do ungido do Deus de Jacob,

do egrégio cantor de Israel:

2O espírito do Senhor falou por mim,

sua palavra está na minha língua;

3o Deus de Israel falou,

disse-me o Rochedo de Israel:

‘O justo, dominador dos homens,

que domina pelo temor de Deus,

4é como a luz da manhã

quando se levanta o Sol numa manhã sem nuvens,

que faz germinar a erva que brota da terra, depois da chuva.

5Não é estável a minha casa aos olhos de Deus?

Porque Ele fez comigo uma alian­ça perpétua,

aliança firme e imutável.

Ele faz germinar a minha salva­ção e a minha alegria.

6Todos os malvados são como os espinhos do deserto

que ninguém recolhe com as mãos.

7Aquele que os toca arma-se de um ferro ou de um pau aguçado;

e são, por fim, queimados no fogo’.»


Os heróis do exército de David (1 Cr 11,10-41) – 8Estes são os nomes dos heróis de David: Jocheb-Ba­ché­bet, filho de Hacmoni, chefe dos três. Foi ele quem brandiu o seu ma­chado contra oitocentos homens, matando-os de um só golpe. 9Depois deste, Eleázar, filho de Dodo, filho de Aoí. Era um dos três valentes que esta­vam com David quando desafiaram os filisteus, que se ti­nham reunido ali para o combate; os israelitas reti­raram-se, 10mas ele manteve-se fir­me e feriu os filisteus, até que a sua mão se cansou e ficou colada à espada. O Senhor operou naquele dia uma grande vitória. Os soldados volta­ram depois, mas só para reco­lher os des­po­jos. 11Depois dele, veio Chamá, filho de Agué, o hararita. Juntaram-se os filisteus em Leí, onde havia um campo semeado de lentilhas. E, fugindo o exército dian­te dos filisteus, 12Cha­má colocou-se no meio do campo, defendeu-o e der­rotou os filisteus. O Senhor realizou uma grande vitó­ria.

13Três dos trinta desceram e fo­ram ter com David, no tempo da co­lheita, à gruta de Adulam, estando a tropa dos filisteus acampada no vale de Re­faim. 14David estava, então, na for­ta­­leza, e havia uma guarnição de filisteus em Belém. 15David mani­fes­tou este desejo: «Quem me dera beber da água do poço que está à porta de Belém!» 16No mesmo instante, os três valen­tes entraram no acampa­mento dos filisteus e tiraram água do poço situado à porta de Belém. Trouxe­ram-na a David, mas ele não a quis beber e derramou-a como oferta ao Senhor, 17dizendo: «Longe de mim, ó Senhor, fazer tal coisa! É o san­gue dos homens que foram lá, arriscando a sua vida!» Não a quis, pois, beber. Foi isto o que fizeram os três heróis.

18Abisai, irmão de Joab, filho de Seruia, era chefe dos trinta. Bran­diu a lança contra trezentos homens e matou-os, conquistando assim grande renome entre os três. 19Ele era o mais ilustre dos trinta, che­gando a ser seu chefe, mas não che­gou a igualar-se aos três. 20Benaías, filho de Joiadá, homem de valor e de grandes faça­nhas, natural de Cabe­ciel, feriu os dois filhos de Ariel de Moab. Foi tam­bém ele quem desceu, num dia de neve, e matou um leão na cisterna. 21Matou ainda um egípcio agigan­tado, que tinha uma lança na mão. Aproximou-se dele com um simples bastão, arrancou-lhe a lança das mãos e matou-o com a sua própria arma. 22Isto fez Be­naías, filho de Joiadá, famoso entre os trinta valentes. 23Foi o mais ilustre dos trinta, mas não se igualou aos três. David fê-lo chefe da sua guarda.

24Entre os trinta, contavam-se: Asael, irmão de Joab; El-Hanan, fi­lho de Dodo, de Belém; 25Chamá de Ha­rod; Elica de Harod; 26Heles de Pélet; Ira, filho de Iqués, de Técua; 27Abié­zer de Anatot; Mebunai o huchaíta; 28Salmon o aoíta; Maarai de Netofa; 29Héled, filho de Baana, de Netofa; Itai, filho de Ribai, de Gueba de Ben­jamim; 30Benaías de Piraton; Hidai do vale de Gaás; 31Abi-Albon de Arabá; Azemávet de Baurim, 32Eliaba, o chaal­bonita; Jassen, filho de Jóna­tas; 33Chamá, o hararita; Aiam, filho de Sarar, o hararita; 34Elifélet, filho de Aasbai, o maacateu; Eliam, filho de Aitofel de Guilo; 35Hesrai de Car­mel; Paa­rai de Arab; 36Jigal, filho de Natan, de Soba; Bani de Gad; 37Sé­lec o amonita; Naarai de Beerot, escu­deiro de Joab, filho de Seruia; 38Ira de Jatir; Gareb, também de Jatir; 39Urias o hitita. Ao todo, trinta e sete.



Capítulos

2 Sm 1 2 Sm 2 2 Sm 3 2 Sm 4 2 Sm 5 2 Sm 6 2 Sm 7 2 Sm 8 2 Sm 9 2 Sm 10 2 Sm 11 2 Sm 12 2 Sm 13 2 Sm 14 2 Sm 15 2 Sm 16 2 Sm 17 2 Sm 18 2 Sm 19 2 Sm 20 2 Sm 21 2 Sm 22 2 Sm 23 2 Sm 24