Comunidades

Imprimir

Barcelos em Taizé (C/ VÍDEO)

barcelos_em_taize_2010No dia 6 de Agosto, o grupo que terminou este ano o 10º ano de catequese de Sto. António partiu de Barcelos rumo a Taizé. Desde o início que os nossos catequistas nos deram a conhecer o espírito ecuménico da comunidade e a nossa ansiedade aumentava à medida que nos aproximávamos. Já cansados das várias horas de viagem de autocarro, chegamos ao nosso destino e logo nesse momento pudemos sentir que estávamos num local completamente diferente do que estávamos habituados.

Posso dizer que foi uma das melhores semanas de toda a minha vida e, sem dúvida, a melhor experiência que vivi! Em Taizé, todos os momentos do dia nos chamam a viver na simplicidade e mais próximos de Deus, alertando-nos para a importância de viver em comunidade e de dar apenas valor àquilo que é essencial.

Para mim, o mais especial de Taizé são os momentos de oração. É nestas alturas em que vemos pessoas de todas as partes do mundo que, independentemente da raça, do sexo ou da classe social, estão unidas no mesmo objectivo: orar a Deus da maneira mais profunda que se possa imaginar. Só quem vai a Taizé pode sentir o que senti pois é impossível descrever por palavras. Sentimo-nos tão unidos uns aos outros e a Deus e são estes momentos que fazem esta comunidade funcionar tão bem.

Desde as reflexões com o irmão Maxime, as refeições sentados no chão com apenas uma colher, os trabalhos comunitários e as orações, todos estes momentos aumentaram a minha fé e mudaram a minha relação com Deus.

Em Taizé fiz amigos que nunca vou esquecer e também eles foram muito importantes nesta experiência. Acho que a comunidade de Taizé nos dá força e nos mostra que é possível um mundo perfeito, um mundo onde não há diferenças, não há conflitos e eu posso afirmar isso pois durante esta semana vivi isso.

Não acreditas?! Vai e experimenta!