Capuchinhos

Encontro de Fátima Cap 2014

De 1 a 5 de Dezembro de 2014 estiveram reunidos no Centro Bíblico dos Capuchinhos, em Fátima, os Custódios e Ministros Provinciais de toda a Europa.

Encontro de Fátima 2014

EUROPA CAPUCHINHA: "QUO VADIS?"

fr. Pio Murat OFMCap

Nestes últimos tempos tive a ocasião de visitar diversos conventos nossos na Bélgica, Suíça e Itália. Alguns datam do século XVI e testemunham a vitalidade que a Ordem teve desde a origem. Mas, a Europa capuchinha de hoje, sobretudo no Noroeste do continente é muito diferente. A idade média particularmente elevada nas províncias e a diminuição do número de candidatos suscita não poucas interrogações a respeito do futuro da nossa presença na Europa. O problema é fortemente percebido seja pelas províncias envolvidas como pelo Ministro geral e seu Conselho.

Este empobrecimento, visto como uma provação, pode todavia ser também um autêntico desafio a repensar o sentido da nossa presença num mundo secularizado e multiétnico. Se o saudosismo de um tempo já passado não é uma atitude fecunda, os aspectos fundamentais da nossa vocação franciscano-capuchinha constituem elementos sempre atuais para servir a Igreja e o mundo. A fraternidade, a busca de Deus na oração,o serviço aos pequenos e aos pobres, a missão evangélica aos nossos contemporâneos, são sinais que falam hoje como ontem. A carta do Ministro geral "Reacender a chama do nosso carisma" é um apelo explícito a recomeçar.

Para a Europa e as circunscrições que se encontram em situações análogas, não se trata mais de assegurar a nossa presença como há um tempo atrás, mas de pensar em "fraternidade-sinal" – outros, conforme a expressividade da própria língua falam de "fraternidade-chave" – de modo que, vivendo o essencial do nosso carisma, nos empenhemos a serviço da Igreja. Evidentemente não se trata de pensar a "fraternidades piloto" ou a "fraternidade modelo", mas em irmãos que, convencidos da beleza da nossa vocação e do seu valor para a nossa sociedade, aceitam traçar com simplicidade e confiança o caminho de uma presença vivente e evangelicamente adequada.

Em junho de 2013, os presidentes das conferências capuchinhas da Europa e o Conselho geral refletiram sobre questões que dizem respeito à nossa presença na Europa. Elaboraram o programa do encontro para todos os Ministros – provinciais e custódios – da Europa que reunir-se-ão em Fátima de 1° a 5 de dezembro de 2014. Participarão do encontro oitenta frades do continente e os presidentes das conferências capuchinhas. Será dado espaço, mais do que a palestras, aos testemunhos de experiências vividas e ao intercâmbio entre os participantes. É previsto que o trabalho realizado, ao final do encontro, conflua em propostas concretas para o futuro.

O nosso desejo mais sincero é que o encontro dos ministros da Europa – reunidos neste grande lugar da fé – possa manifestar as razões da nossa esperança e abrir-nos a fecundas iniciativas para o futuro.