Capuchinhos

Profissão Perpétua de Fr. John

 

No passado dia 2 de agosto, frei John Ryky Asalu Naheten, de 34 anos, natural do Oecusse, Timor-Leste, fez os votos perpétuos na Ordem dos Frades Menores Capuchinhos. Na bonita Igreja de Laleia, confiada ao cuidado pastoral dos Capuchinhos desde 2003, centenas de fiéis juntaram-se aos familiares do frei John Naheten, que vieram do Oecusse, para a celebração da Eucaristia em honra de Nª Sª dos Anjos da Porciúncula, na qual se integrou o rito da profissão religiosa. Aos irmãos Capuchinhos de Laleia, juntaram-se também os irmãos de Tíbar.

 

 

A celebração foi preparada ao pormenor pelos seus irmãos Capuchinhos, mas com a devida sobriedade exigida à Família Franciscana que, neste dia, celebrava também os 800 anos do Perdão de Assis, e por muitos leigos que quiseram associar as suas vozes a este hino de louvor ao Senhor, que constitui a doação do frei John a Deus e ao seu Reino. A seguir à Eucaristia houve um almoço e tempo de convívio onde não só o frei John e a sua família estavam visivelmente felizes, como também todo o povo de Deus.

 

 

Frei John Naheten é o primeiro timorense a consagrar-se definitivamente na Ordem dos Capuchinhos, o que constitui uma alegria redobrado para todos nós. Após um tempo de descanso aqui em Timor-Leste, regressará a Portugal onde terminará o Mestrado Integrado em Teologia na Universidade Católica.

Elevemos as nossas súplicas ao Pai do Céu, fonte de toda a vocação, para que nos conceda a graça de outros irmãos com a mesma doação generosa do frei John Naheten.